Ex-lateral do São Paulo lamenta confusão em motel e admite novamente problema com drogas | Jovem Pan

Morgana Oliveira/RCortez/CSA Em 2019, Régis participou de sete jogos pelo CSA e marcou dois gols

Régis, o ex-lateral-direito do São Paulo que foi dispensado pelo CSA, de Alagoas, durante esta semana após tentar invadir um motel em Maceió e ser detido pela polícia, falou pela primeira vez sobre o episódio.

Em entrevista ao programa “Esporte Fantástico”, da Record, o jogador lamentou mais uma polêmica na carreira e disse que as drogas e o álcool foram responsáveis pela confusão: “foram essas duas coisas (drogas e álcool) que me colocaram nessa situação”, disse o jogador.

Em 2018, quando passou pelo São Paulo, o jogador ficou afastado do clube por um período para resolver os problemas com as drogas, mas acabou sendo dispensado posteriormente. Após a nova recaída, Régis falou sobre a dependência química, que teve início há três anos.

“Quando deixou o Red Bull (em 2015), fiquei um tempo sem jogar. Nesse momento andei com algumas pessoas que me influenciaram e acabei cedendo. Se eu soubesse que ia causar tudo isso, eu nunca tinha experimentado”, lamentou.

Apesar da recente polêmica, Régis já definiu seu destino. Dois dias após ser dispensado pelo CSA, o jogador de 29 anos acertou o retorno ao São Bento, de Sorocaba, onde se destacou antes da transferência para o São Paulo.

O lateral-direito, inclusive, pode fazer sua reestreia pelo Azulão na rodada deste fim de semana do Campeonato Paulista. O São Bento recebe o Corinthians, neste sábado (2), às 16h30min, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba.

A entrevista exclusiva com Régis vai ao ar neste sábado (2), às 10h15min, no Esporte Fantástico, da Record.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.